Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O meu pensamento

O meu pensamento

Gritos em vão

Dezembro 31, 2007

Isis Erzsébeth Báthory

(Foto por : Isis Erzsébeth Báthory, modelo: a mesma que tirou a foto)

 

Sinto-me incompreendida por muitos,
Odiada por muitos,
Sinto-me revoltada, com tudo e com todos,
Sinto ódio em mim,
Sinto vontade de querer fugir, daqui para bem longe,
Mas sinto-me presa a uma vida de ilusões,
A uma vida de repreensões,
Apenas vejo uma unica solução,

Pode até não servir de nada,
Mas a vontade de me libertar é tanta,
Que desejo essa solução com todas as minhas forças,
Às vezes durmo, e no dia seguinte tudo passa, está tudo normal,
Mas no outro já não é assim, e mais
Uma semana de discussões, estupidas de quem não quer ouvir,
Se vai passar, semana essa que parece levar mais tempo a passar,

Pego numa lâmina e corto ao de leve, é divertido ver os desenhos que
Se formam, é divertido ver que no corpo se faz coisas que
Não mais se irão apagar.
Mas de que serve este meu grito no vazio?

Ninguém ouve, todos pensam que sou apenas a mimada,
Que apenas quero atenção, enquanto na verdade o que quero é exactamente
O contrário, quero que não se preocupem comigo,
Que me deixem em paz, sozinha, fazer o que quero,
Irrita-me as chamadas de atenção porque fiz algo errado,
Fazem-no de forma como se fossem perfeitos,
Gritam comigo, como se fosse a culpada de quem já lhes fez o mesmo,
Falam em modernidades,

Mas no fundo são os mais retardados nos seus próprios atrasos,
Querem ser ouvidos, mas não querem ouvir,
Querem ter a razão de tudo, nem que seja o mais absurdo.
Com este meu grito, não quero que eles pensem que me sinto a vitima, pois não
Me sinto, nem me irei sentir,
Mas também não me sinto culpada por algo que não fiz,
Mais uma semana de gritos estupidos, de gente estupida chegou,

Irei eu aguentar esta semana?

Irei eu continuar a rebaixar-me a uma suposta regra que tem
Tanto de sensato, como 3+8=2,
Com este meu grito no silêncio não quero que eles pensem
Que me sinto vitima, pois não sinto,
Apenas queria que eles me dessem a liberdade.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

About Isis

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D